Agora pela Copa do Brasil, Bahia tenta abrir vantagem diante do Galo nas oitavas

Tricolor quer apagar impressão do último confronto entre as equipes pelo Brasileirão

[Agora pela Copa do Brasil, Bahia tenta abrir vantagem diante do Galo nas oitavas]

FOTO: Felipe Oliveira/Divulgação/EC Bahia

Exatos três dias após se enfrentarem pelo Brasileirão, Bahia e Atlético-MG terão mais um duelo. Nesta quarta-feira (28), o Tricolor encara o Atlético-MG, às 21h30, no estádio do Mineirão, pelo confronto de ida das oitavas de finais da Copa do Brasil.

O Bahia quer antes de tudo apagar a má impressão deixada diante do próprio Atlético-MG, quando foi derrotado por 3 a 0 no último domingo (25), também no Mineirão. Vivendo má fase no Brasileirão com três jogos sem vencer, o time quer tentar conquistar ao menos um resultado positivo pela Copa do Brasil.

Em uma competição mata-mata a margem de erro precisa ser mínima. O técnico Dado Cavalcanti, inclusive, ganhou um reforço importante para tentar surpreender o Galo em casa. O meia Daniel teve a pena do STJS convertida em multa, e está liberado para entrar em campo com a camisa Tricolor.

Ainda paira sobre a cabeça de Dado a melhor estratégia para tentar superar o vice-líder do Brasileiro. No último confronto, sem poder contar com Daniel, o treinador indicou um meio de campo mais marcador, com Lucas Araújo, Jonas e Patrick, porém, como se viu, não deu certo.

Uma possível escalação do Bahia para o jogo de logo mais pode ser a seguinte:

Matheus Teixeira, Nino Paraíba, Conti, Ligger (Luiz Otávio) e Matheus Bahia; Jonas, Patrick e Daniel; Rossi, Gilberto e Rodriguinho.

Confronto equilibrado

Esta será a terceira vez que Bahia e Atlético-MG duelarão pela Copa do Brasil. Em confrontos equilibrados, um adversário eliminou o outro.

No ano de 1999, o Bahia bateu o Galo por 1 a 0 no Mineirão no jogo de ida, e na volta, empatou por 1 a 1 na Fonte Nova, seguindo rumo às oitavas de final.

As equipes voltaram a duelar em 2002, desta vez pela fase de quartas de final. O Galo superou o Bahia no primeiro jogo em Belo Horizonte por 2 a 1. O Tricolor venceu na volta por 4 a 3 na Fonte Nova, mas naquela época o gol fora era critério de desempate, e como o time mineiro marcou mais, foi às semis.
 


Comentários

Relacionadas

Veja Também

Fique Informado!!

Deixe seu email para receber as últimas notícia do dia!