Alemanha detecta caso de varíola do macaco em brasileiro

Homem, que esteve em Espanha e Portugal, é o primeiro caso encontrado no país europeu

[Alemanha detecta caso de varíola do macaco em brasileiro ]

FOTO: OMS/CENTRO DE CONTROLE DE DOENÇAS DA NIGÉRIA

Um brasileiro de 26 anos foi diagnosticado com o primeiro caso de varíola dos macacos na Alemanha, conforme informado pelo Instituto de Microbiologia da Bundeswehr, as Forças Armadas alemãs, nesta sexta-feira (20). O vírus foi detectado na última quinta-feira (18).

O brasileiro, que não teve a identidade revelada, foi à Alemanha após viagem com origem em Portugal, visitando também a Espanha. Ele estava há uma semana em Munique, no sul do país, após passagens por Düsseldorf e Frankfurt.

Segundo o Instituto, o paciente teria apresentado erupções cutâneas, um dos sintomas mais relevantes da doença. O jovem cumpre isolamento em uma clínica na cidade.

Em comunicado, foi informado também que as autoridades sanitárias da Europa e da América do Norte detectaram um número crescente de casos de varíola dos macacos desde o início de março, o que pode indicar o alastramento do surto da doença. 

Até o momento, foram confirmados casos no Reino Unido, Itália, Suécia, Espanha e Portugal. Já o Canadá alertou sobre os primeiros casos suspeitos recentemente. 

Detectada pela primeira vez em humanos em 1970, a ciência acredita que a doença seja transmitida por meio do sexo sem proteção, assim como pelo contato com lesões em pessoas doentes ou gotículas liberadas durante a respiração.

Os sintomas apresentados inicialmente são febre, dor de cabeça, dor no corpo e nas costas, inchaço nos linfonodos, exaustão, calafrios e bolas pequenas que aparecem no corpo inteiro. Caso evolua, a doença vai formando crostas, até cair.


Comentários