Brasileira que passava as férias na Índia é vítima de estupro coletivo; 3 são presos

Em viajem de casal, brasileira foi atacada por pelo menos sete homens

[Brasileira que passava as férias na Índia é vítima de estupro coletivo; 3 são presos ]

FOTO: Agência Brasil

Uma turista brasileira vivenciou momentos de terror na Índia, na última sexta-feira (1). Ela foi vítima de um estupro coletivo cometido por pelo menos sete homens. Até o momento da situação já foram identificados os suspeitos, sendo três detidos. 

A brasileira estava em viagem com o marido, de origem castelhana. O casal tinha intenções de chegar até o Nepal de moto, mas decidiu acampar no distrito de Dumka. O crime ocorreu durante a noite, eles foram atacados pelo grupo. Os suspeitos arrastaram a mulher para um lugar isolado, onde ela foi estuprada.

Depois de ser violentada, a brasileira conseguiu entrar em contato com uma patrulha policial por volta das 23h (horário local) sendo levada a um hospital. Logo após, o casal fez a denúncia do crime aos policiais e rapidamente os suspeitos foram identificados 

Só em 2022, o país registrou em média de 90 estupros. De acordo com, informações do escritório nacional de registros criminais. Existem muitos casos, porém, poucos são denunciados pelas vítimas devido a falta de desconfiança na polícia e o descrédito que muitas delas sofrem.

O caso trouxe à tona os altos níveis de violência sexual na Índia e levou a semanas de protestos e a uma mudança na legislação para punir o crime de estupro com a pena de morte.


Comentários

Relacionadas

Veja Também

Fique Informado!!

Deixe seu email para receber as últimas notícia do dia!