Gripário Pirajá/Santo Inácio volta a funcionar em Salvador

Reabertura visa desafogar demanda das UPAs

[Gripário Pirajá/Santo Inácio volta a funcionar em Salvador ]

FOTO: Gilberto Junior / Farol da Bahia

Devido ao surto de Influenza e ao aumento de casos do novo coronavírus na capital baiana, o prefeito Bruno Reis (DEM) voltou a ativar os gripários do município. Na manhã desta sexta-feira (21), a unidade instalada em Pirajá/ Santo Inácio voltou a funcionar.  A reabertura, segundo o prefeito, visa atender pacientes com sintomas gripais para desafogar as demandas das Unidades de Pronto Atendimento (UPAs).

De acordo com o prefeito, Salvador já conta com 26 unidades de atendimento. Na ocasião, Bruno afirmou também que o foco é ampliar a rede de atendimento para evitar que medidas restritivas precisem ser adotadas.

"Nós estamos ampliando as estruturas de saúde, sempre adotei essa estratégia. Mas, caso seja necessário, iremos aumentar as medidas restritivas. Esse é o quarto gripário que estamos abrindo desde a chegada da H3N2 e da Ômicron. Os quatro gripários somam o total de 53 leitos", explicou o gestor municipal.

O gripário de Pirajá tem dez leitos de enfermaria e duas salas vermelhas, que são similares a Unidade de Tratamento Intensivo (UTI). Ainda segundo o prefeito, a unidade terá  capacidade de atender até  250 pessoas por dia. O funcionamento desse gripário, inicialmente, é de 90 dias, mas o prazo pode ser prorrogado.

Atualmente, os gripários dos Barris, Pau Miúdo e da ilha de Bom Jesus dos Passos já estão funcionando.
 


Comentários

Relacionadas

Veja Também

Fique Informado!!

Deixe seu email para receber as últimas notícia do dia!