Juiz condena ‘Carlinhos Metralha’ por sequestro de fuzileiro desaparecido há meio século

A denúncia foi apresentada à Justiça em 2012

[Juiz condena ‘Carlinhos Metralha’ por sequestro de fuzileiro desaparecido há meio século]

FOTO: Reprodução

O delegado Carlos Alberto Augusto, ex-agente da ditadura militar conhecido como ‘Carlinhos Metralha’, foi condenado por 2 anos e 11 meses de prisão, em regime inicial semi-aberto. Ele foi culpado pelo sequestro do ex-fuzileiro naval Edgar de Aquino Duarte, desaparecido desde 1971.  

A sentença foi dada pelo juiz Silvio César Arouk Gemaque, da 9ª Vara Criminal Federal de São Paulo. De acordo com o Ministério Público Federal esse caso é a primeira condenação penal em relação a crimes cometidos durante o regime de exceção marcado por torturas, censura e assassinatos.

A denúncia contra ‘Carlinhos Metralha’ foi apresentada à Justiça em 2012, e atingia também o ex-delegado Alcides Singillo, além de um dos principais torturadores da ditadura, o coronel Carlos Alberto Brilhante Ustra, ex-comandante do Destacamento de Operações de Informações do II Exército (DOI-Codi) em São Paulo. 


Comentários

Relacionadas

Veja Também

Fique Informado!!

Deixe seu email para receber as últimas notícia do dia!