Salvador registrou quase mil casos de HIV em 2023

Maiores taxas de detecção por aids encontram-se na faixa etária de 40 a 49 anos

[Salvador registrou quase mil casos de HIV em 2023]

FOTO: Arquivo/Agência Brasil

Em 2023, 927 casos de HIV foram registrados em Salvador em 2023. Desse total, 72,3% das pessoas infectadas são do sexo masculino, enquanto 27,7% do feminino. Os dados são do Sistema de Informação de Agravos de Notificação (SINAN).

Ainda de acordo com o SINAN, no período de janeiro a outubro foram notificados 352 casos de Aids, sendo 77,5% do sexo masculino. Os dados revelam ainda que as maiores taxas de detecção por aids encontram-se na faixa etária de 40 a 49 anos, seguida da de 30 a 39 anos.

Na Bahia, segundo dados divulgados pela Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (SESAB), 2.304 casos de HIV foram registrados somente em 2023. A taxa de incidência é de 15 casos para cada 100 mil habitantes.

Metas

A Organização Mundial da Saúde definiu algumas metas para acelerar a resposta ao HIV até 2030. Entre os critérios estabelecidos estão:

  • 95% de todas as pessoas vivendo com HIV conheçam seu diagnóstico;
  • 95% das pessoas diagnosticadas recebam tratamento antirretroviral;
  • 95% das pessoas em tratamento possuam carga viral indetectável e não transmitam o vírus. 

É importante ressaltar que, atualmente, o Sistema Único de Saúde (SUS) já fornece atendimento especializado e conta com métodos de prevenção, diagnóstico, tratamento e acompanhamento de maneira gratuita para toda a população.
 


Comentários

Relacionadas

Veja Também

[Lei que reestrutura carreira de professor indígena é sancionada na Bahia ]

A regulamentação foi publicada na edição do Diário Oficial desta quarta (24)

Fique Informado!!

Deixe seu email para receber as últimas notícia do dia!